PUB
                             
Gourmet - 09.11.2018

A cada aposta, em cada descerrar de portas, as expectativas em torno do chef José Avillez crescem desmedidamente. É este o preço a pagar pelo sucesso: a atenção mediática depositada pelo público, ansioso, atento e indagatório, perante toda e qualquer nova proposta. O conceituado chef, detentor de duas estrelas Michelin no seu Belcanto, assume o desafio, mantendo o seu (elevado) ritmo de trabalho, investindo, novamente, num conceito inovador, assente em critérios de qualidade inquestionável. O novo restaurante Za’atar, situado na Rua de S. Paulo, no Cais do Sodré, tem somado admiradores, confirmando, uma vez mais, a unanimidade em torno das capacidades de cozinha e de gestão de José Avillez.

O Za’atar trouxe para Lisboa uma oferta original. Avillez sugere, desta vez, uma ementa inspirada na gastronomia libanesa. Este projeto, de características ostensivamente étnicas – o segundo do género do chef, depois da abertura do Cantina Peruana, com Diego Muñoz –, foi pensado a quatro mãos, através de uma parceria com o cozinheiro Joe Barza, um conceituado chef internacional, estrela de televisão no Líbano.

A carta do Za’atar foi pensada e materializada para agradar ao paladar português, sem, no entanto, perder as suas influências distintivas: indo ao encontro das tendências de uma cozinha vegetariana e saudável, com muito sabor. Fiel ao seu conceito, o restaurante inclui, das entradas à sobremesa, um leque de propostas próximas da cozinha do médio oriente, banhada pelas águas azuis do Mediterrâneo. Do karkachat (couvert) às salatas (saladas), as sugestões principais incluem os mezze frios e quentes, e pequenos pratos como o moughrabieh djej (um guisado de cuscuz com caldo de carne, chalotas grelhadas, cebolinho e coentros) e o frikeb bi lahmeh (um prato de trigo verde fumado com perna de borrego, alperces secos e alecrim e os grelhados), para além dos tradicionais kebab de porco ou da taook, uma espetada de frango. Quanto às sobremesas, o destaque vai inteirinho para o sorvete de alperce com creme de pistácio.

O Za'atar – que significa uma mistura de especiarias usada como condimento, muito apreciada no médio oriente – é o quinto espaço que José Avillez abriu em Lisboa ao longo dos últimos meses (e o seu 17.º espaço no país). Primeiro chegou a  Pitaria, no Chiado, depois a Cantina Zé Avillez, no Campo das Cebolas, o Cantinho do Avillez, no Parque das Nações, e a Cantina Peruana, também no Cais do Sodré. No Porto, o chef também abriu um restaurante: o Mini Bar, conceito que já tinha implementado no Teatro São Luiz, em Lisboa.

Artigos relacionados...

A nova imagem e conceito do Aura Lisboa

Carlos Medeiros renova espaço no Terreiro do Paço

Ducasse sur Seine: um restaurante flutuante como nenhum outro

Um barco que serve pratos gourmet em Paris

Edição limitada Louis XIII Black Pearl AHD

Baccarat cria decantador de cristal para a marca

Ladies’ afternoon at Kanazawa

Celebre o dia da Mulher com as suas amigas

Vela Latina celebra 30 anos

Famoso restaurante festeja sucesso com renovação

Os Mais Vistos

Lifestyle

O automóvel mais caro de sempre dá-se a conhecer

Lifestyle

Os segredos mais bem guardados

F Luxury no Instagram