PUB
                             
Entrevistas - 15.01.2019

Foi à mesa, em família, por entre boa comida e bons vinhos, que Óscar Mendes e Eric Dubois afloraram, pela primeira vez, a possibilidade de importarem para Portugal um conceito há muito consolidado em França. Após um período de observação e análise, o objetivo de fazer nascer o primeiro clube português de vinhos ganhou finalmente corpo em 2016. Em apenas dois anos, o Wine & Executive Club já organizou 21 encontros, reunindo os principais líderes empresariais e profissionais liberais do país. A F Luxury – membro do clube – conversou com Óscar Mendes, um dos seus fundadores, sobre o presente e o futuro do exclusivo Wine & Executive Club.

F Luxury – O Wine & Executive Club é um conceito que não existia em Portugal. Óscar Mendes e Eric Dubois foram os responsáveis pela sua fundação. Quais o principais objetivos da sua constituição?

Óscar Mendes – O Wine & Executive Club é um clube exclusivo que reúne líderes empresariais e profissionais liberais de topo e que tem como principal objetivo o debate de temas da atualidade e a troca de experiências entre membros. É esta partilha de conhecimentos e opiniões, à volta de uma mesa, num ambiente agradável e confortável, que vai permitir estabelecer contactos e criar laços consolidados. Desta forma, nasce a possibilidade de surgirem novas ideias, novas parcerias e novos negócios.

E como surgiu a ideia para a criação deste projeto?

Curiosamente, foi à mesa, na companhia de boa comida e de bons vinhos, a exemplo do que agora também acontece nos nossos jantares. Eric Dubois, membro de um clube de vinhos similar, que há muito existe em França, desafiou-me a trazer o conceito para Portugal. Na altura, pareceu-me uma ideia muito interessante, já que não existia nada do género no nosso país. Depois de algumas viagens a França, após um período de observação e análise, decidi que faria todo o sentido criar algo assim em Portugal.

O clube pressupõe que continua a ser à mesa que se fazem os grandes negócios. É mesmo assim?

Sem dúvida. O ponto de partida dos nossos encontros é o vinho e a gastronomia. Desenvolvemos sempre um debate, na presença de personalidades convidadas, sobre temas que marcam a atualidade, acompanhado sempre pela degustação de vinhos na presença dos produtores. Desta forma, é possível combinar o prazer com o útil. É assim que fazemos nascer o conceito de networking e a possibilidade de negócios no futuro.

Que balanço faz destes dois anos de existência do Wine & Executive Club?

O balanço é muitíssimo positivo. Obviamente, que o primeiro ano foi mais difícil, pois tivemos de nos dar a conhecer, de conquistar a confiança dos nossos membros. Hoje, sentimos um enorme orgulho pelo que já alcançámos. Temos membros destacados nas mais diversas áreas, o que permite um conjunto interessantíssimo de convidados a cada encontro, e a existência de vários parceiros de topo interessados nas nossas iniciativas. O nosso crescimento e, sobretudo, alguns dos resultados obtidos, por membros, a nível empresarial, é a prova dos nosso bons resultados e demonstrativo do sucesso e do potencial de crescimento deste projeto.

Que metas estabeleceu para o futuro imediato?

Queremos continuar a crescer. Ter mais membros e, sobretudo, alargar o nosso clube a outros locais. Em França, por exemplo, o clube de vinhos organiza jantares em quase todas as grandes cidades, o que permite a um membro poder estar sempre presente nos eventos do clube, quer decorram na sua cidade, ou caso se encontre deslocado. É algo que queremos fazer em Portugal e que contribuirá decisivamente para o alargamento de contactos entre os membros do nosso clube.

Existem planos já definidos para que esse objetivo possa ser alcançado?

Sim. De facto, temos já previsto realizar um jantar de apresentação no Porto. Alargar a nossa atividade para o Algarve é outro objetivo já definido e, muito recentemente, recebi um convite para me deslocar a Luanda, em Angola, também para apresentar o nosso clube. É muito importante e, aliás, não descartamos a possibilidade de ultrapassarmos as fronteiras do país, alargando o nosso clube ao restante universo lusófono.

Quando será o próximo encontro do Wine & Executive Club?

O nosso primeiro jantar em 2019 realiza-se já no próximo dia 24 de Janeiro, como habitualmente, no Pestana Palace, em Lisboa, sob a direcção do chef Pedro Inglês Marques. Este encontro vai contar com as presenças da empresária Luísa Amorim e da jornalista Sandra Nobre, para uma conversa que será, certamente, muito interessante. Será um momento importante para o Wine & Executive Club, pois marcará, igualmente, a entrada da F Luxury como membro do nosso clube.

 

 

Artigos relacionados...

José Eisenberg

O império de beleza de Eisenberg

Eugénio Campos

Viagem ao topo do mundo da Eugénio Campos Jewels

Grace Mendes & Fredy Costa

A dupla de atores do momento

Ricardo Pereira

O multifacetado ator

Paulo Morais

O grande sushiman português revisita a sua carreira e fala dos seus novos (e muito aguardados) projetos

Os Mais Vistos

Lifestyle

Unidade de cinco estrelas devolve o brilho ao Sotavento algarvio

Gourmet

Projeto inclui jantar mensal exclusivo para 12 pessoas

F Luxury no Instagram